Este website utiliza cookies para nos ajudar a prestar-lhe um melhor serviço aquando da sua visita ao nosso site. Ao continuar a utilizar este website, está a permitir a nossa utilização destes cookies. Para mais informações consulte os nossos termos e condições. Termos e Condições Continuar

CUF debate produtos biocida

novembro 2017

A CUF organizou uma conferência dedicada ao Regulamento dos Produtos Biocidas, para debater as obrigações legais relativas à comercialização e utilização destes produtos químicos. O evento decorreu, no dia 12 de outubro, no Auditório do EcoParque de Estarreja

 

A CUF, como um dos principais produtores ibéricos de cloro-alcalis e seus derivados, promoveu esta conferência para sensibilizar os seus clientes - e consequentemente cadeia de abastecimento, para todas as obrigações legais que decorrem da comercialização de produtos biocidas com base no hipoclorito de sódio.

 

Com uma forte adesão dos clientes, a conferência liderada pela equipa responsável pelo REACH e BPR da CUF, contou com a presença de diversas entidades nacionais, como as direções gerais da

Saúde e da Veterinária, representadas respetivamente por Cesaltina Ramos e Inês Almeida, que partilharam os prazos, requisitos e regras a cumprir durante o período transitório e no BPR.

 

Esta iniciativa contou, ainda, com os contributos de Ana Couras, da Associação FIOVDE, que expôs o impacto do regulamento na cadeia de abastecimento, e de Elsa Casimiro, da INFOTOX , que apresentou a empresa de consultadoria e serviços de suporte às empresas para o cumprimento das suas obrigações legais.

 

A partir de 1 de Janeiro de 2019, o hipoclorito de sódio deverá ter autorização de comercialização para os diversos usos biocidas, nomeadamente: TP1 higiene humana, TP2 desinfetantes utilizados nos domínios privado e da saúde pública, TP3 produtos biocidas utilizados na higiene veterinária, TP4 desinfetantes das superfícies em contacto com os géneros alimentícios e alimentos para animais e TP5 desinfetantes para água de consumo.

 

No final do dia, foram muitas as dúvidas esclarecidas, e as partilhas de experiências. Mas, acima de tudo, a conferência da CUF valeu pela convergência na atitude responsável e proactiva de todos os intervenientes para que o mercado de hipoclorito de sódio seja cada vez mais sustentável.

Topo