Este website utiliza cookies para nos ajudar a prestar-lhe um melhor serviço aquando da sua visita ao nosso site. Ao continuar a utilizar este website, está a permitir a nossa utilização destes cookies. Para mais informações consulte os nossos termos e condições. Termos e Condições Continuar

PACOPAR promove formação com escolas de Estarreja

novembro 2016

Dando expressão ao compromisso do PACOPAR, o Grupo de Prevenção de Riscos (GPR) em conjunto com o Agrupamento de Escolas de Estarreja (AEE) promoveram uma ação de formação em manuseamento de extintores e Suporte Básico de Vida para funcionários docentes e não docentes das escolas e de algumas instituições da área social do concelho. 

A iniciativa, que contou com a estreita colaboração do Centro de Saúde de Estarreja e dos Bombeiros Voluntários de Estarreja, abrangeu cerca de 70 participantes, contribuindo para reforçar a sua preparação  para acorrer a situações de emergência.

 

A ação foi dividida em duas sessões, que decorreram no espaço da Escola Secundária de Estarreja. Os formandos realçaram a utilidade da iniciativa, tanto pelos conteúdos abordados como pela forte componente prática que incluiu. Receberam a formação professores e funcionários não docentes das escolas E.B. Padre Donaciano de Abreu Freire e Prof. Dr. Egas Moniz, das Básicas da Congosta, do Mato e de Visconde de Salreu e ainda da Escola Secundária de Estarreja. A iniciativa, que decorre pela segunda vez, foi estendida este ano a instituições da área de intervenção social em Estarreja. Das diversas convidadas, estiveram presentes colaboradores da Cerciesta, da Fundação Cónego Filipe de Figueiredo e da Santa Casa da Misericórdia, que também receberam formação.

 

"Esta formação comprova que a comunidade tem recursos e conhecimento  diferenciado  e especializado que, em momentos próprios, se podem agregar resultando em mais valias para instituições indispensáveis desta mesma comunidade, como as escolas, IPSS's ou outras. É o exemplo de uma vertente fulcral para o PACOPAR, a criação de sinergias que potenciem a disseminação do conhecimento e das melhores práticas, como fatores cruciais para a melhoria contínua e o desenvolvimento da comunidade”, afirma Pedro Gonçalves, responsável pelo Secretariado do PACOPAR e diretor industrial da CIRES.

 

Esta ação vem na continuidade do reforço de cooperação com o AEE, feita no âmbito do PACOPAR e iniciada no ano passado, do que resultou uma primeira ação de formação realizada, sendo esta a segunda. Importa, agora, em nome do AEE e de todos quantos tiveram o privilégio de participar na ação, agradecer e manifestar a maior satisfação pelo trabalho realizado pelo GPR, pelos Bombeiros Voluntários de Estarreja e pelo Centro de Saúde de Estarreja”, diz Jorge Ventura, diretor do AEE.

 

Victor Ferreira, atual coordenador do GPR do PACOPAR, refere que “esta ação só foi possível graças ao empenho do grupo em articulação com o Agrupamento de Escolas, e com a importante colaboração do Centro de Saúde e dos Bombeiros Voluntários.” As duas sessões de formação realizaram-se nos dias 12 e 19 de outubro, tendo envolvido uma forte componente prática. É intenção do GPR poder continuar a servir de fio condutor para agilizar ações que possam abranger este tipo de formação. 

Topo